Lisbon,
03
Setembro
2018
|
16:52
Europe/Lisbon

CBRE Lança Proptech Challenge em Portugal

A CBRE lança, pela primeira vez em Portugal, o Proptech Challenge, a competição europeia que procura talentos capazes de revolucionar o setor imobiliário através de ideias inovadoras e disruptivas.

O Proptech Challenge realiza-se em Portugal, Espanha, Reino Unido e Alemanha, e abre hoje as candidaturas a todos os participantes que queiram submeter a sua inscrição através do site até ao próximo dia 31 de outubro. Os candidatos podem entrar na competição a título individual ou em grupo, no caso de startups. As inscrições podem ser feitas para uma das duas categorias a concurso: Prémio Ideia Disruptiva e Prémio Startup.

Os vencedores terão a oportunidade de participar num programa de aceleração da CBRE, que lhes permitirá continuar a desenvolver os seus projetos, contanto com o know-how e orientação da equipa, bem como receber um prémio monetário e fazer parte de um roadshow para apresentarem o projeto vencedor na Alemanha, Portugal, Espanha e Reino Unido.

Francisco Horta e Costa, Diretor Geral da CBRE Portugal
A CBRE está comprometida em encontrar as melhores ideias e os talentos mais inovadores, responsáveis pela transformação digital do setor imobiliário. Ao investir em ideias e programas pretendemos encontrar soluções únicas, que possamos oferecer aos principais players do mercado imobiliário e à sociedade, em geral. Sabemos que Portugal é um país com ideias e startups inovadoras, por isso, estamos muito expectantes para ver os projetos que vão ser apresentados.
Francisco Horta e Costa, Diretor Geral da CBRE Portugal

Durante a primeira edição realizada apenas em Espanha, o CBRE Proptech Challenge recebeu ao todo mais de 80 projetos de inovação, 220 participantes e um garantiu um total de 25.000€ em prémios monetários. 50 especialistas do setor trabalharam mais de 1500 horas para garantir o sucesso das ideias vencedoras. De entre as dezenas de projeto a concurso, “Aura” de Pablo Garnica, Miguel Álvarez e Pablo Jodar foi considerada a ideia mais disruptiva, enquanto “Daysk.com” de Julien Palier e Benoit Guilloz arrecadaram o prémio de iniciativa com mais impacto por uma Startup.

Ambos os projetos, uma plataforma de digitalização global para ativos imobiliários baseada no Blockchain (Aura) e uma plataforma online para procura de espaços de trabalho (Daysk.com), receberam as distinções máximas pelo valor disruptivo dentro do setor imobiliário, e pela viabilidade, otimização de recursos e inovação.